Diego Brasileiro
melhores gatilhos mentais

Gatilhos Mentais: Transforme a sua estratégia em vendas diárias!

Gatilhos Mentais: Transforme a sua estratégia em vendas diárias!
5 (100%) 1 vote

Este artigo é uma forma de mostrar um pouco do conhecimento dos grandes profissionais de vendas ao longo dos séculos. Os gatilhos mentais são o ponto-chave para conseguir se comunicar de forma mais persuasiva independentemente do tipo de cliente.

O grande segredo por trás de suas utilizações são o fato de que eles devem ser utilizados na hora e no momento correto.

O que mostraremos a você nas próximas partes deste artigo, poderá mudar tudo o que você aprendeu ou leu até o momento sobre gatilhos mentais.

A maioria dos conhecimentos que serão revelados aqui foram guardados de forma discreta pelos grandes vendedores.

Este guia completo dos gatilhos mentais, tem um foco e uma objetividade apurada, mantendo um formato pouco convencional.

Antes de iniciarmos o aprendizado dos 24 principais gatilhos mentais usados pelos grandes mestres das vendas, precisamos abordar alguns temas importantes que vão te ajudar nesta jornada.

mestres da persuasão

Para os grandes mestres da persuasão os sonhos são tangíveis

Os maiores vendedores têm em mente que se você tem um sonho – algo na sua vida pelo qual você está realmente disposto a trabalhar o máximo que for humanamente possível–, pode ter certeza que com o tempo, pode e vai virar realidade.

Saiba que o grande desejo por algo, se realmente for intenso e digno, vai por si só gerar uma força, composta de entusiasmo e determinação, podendo superar qualquer barreira, medos e dúvidas.

Os grandes mestres das vendas sabem que as pessoas bem-sucedidas deixam que seus sonhos– não sua condição financeira atual – determinem a posição que eles ocupam na vida.

Se você parar de sonhar e querer mais, esse será o dia em que seu espírito de esperança morre e consequentemente a sua vida financeira irá junto.

Só você conhece a si mesmo

Quando um homem sábio escuta “Eu sei o que é melhor para você” ou “Eu já o conheço muito bem, acho que você deveria seguir este caminho, faça isso e não aquilo”, ele leva na esportiva, pois o sábio sabe muito bem que ninguém o conhece melhor do que ele mesmo.

Esta é uma maneira independente de pensar, além de guardar em segurança aquilo em que realmente se acredita.

Se você alardear seus pontos fracos e fortes para a maioria das pessoas com quem se fala, você estará se colocando em uma posição comprometedora em que outras pessoas têm o potencial de poder controlá-lo.

Se outras pessoas acharem que lhe conhecem melhor do que você mesmo, elas provavelmente pensam que você “está no papo”, elas acham que você é uma pessoa fácil de se controlar.

Saiba que o mundo se mantém curioso sobre pessoas e coisas que ele não consegue decifrar direito, portanto, enquanto você conseguir manter um certo mistério, pode ter certeza de que não será ignorado nem negligenciado.

Aceite sempre correr riscos diários para que você siga sua paixão e chegue ao seu destino, agora tome cuidado e mantenha suas “cartas na manga”.

“O sucesso é, na maior parte, uma repetição constante de bons fundamentos, acrescentando-se uma dose de risco e de fé”.

O Guia Completo dos Gatilhos Mentais mais Poderosos

O Guia Completo dos Gatilhos Mentais mais Poderosos

Gatilho mental é uma técnica de persuasão que se relaciona diretamente com aspectos do nosso instinto, tanto do lado emocional, tal como aspectos sociais de nós seres humanos.

Essa mensagem se conecta diretamente com a parte límbica do cérebro humano, que é o local central localizado em nosso cérebro, esta parte é responsável pelas emoções, onde quase 100% das nossas atitudes são tomadas

Agora vamos conhecer os tipos de gatilhos mentais mais poderosos e como eles podem funcionar na prática no seu negócio.

1 – Gatilho da Autoridade

Exemplo: esse é o método mais usado por Carlos Slim (Magnata da Telefonia)!

Se você conhece o mexicano Carlos Slim e sabe da autoridade que ele tem como um dos homens mais ricos do mundo e que ele pegou empresas decadentes e transformou emouro, você com certeza vai se interessar por esse método fantástico.

Quando não temos a autoridade necessária ainda, podemos usar alguma outra pessoa, empresa,negócio, algo que seja do nosso nicho de atuação como exemplo e ainda podemos nos promover com isto de forma ética.

2 – Gatilho da Exclusividade

Me diga qual pessoa não gosta de se sentir única, exclusiva, vip ou especial?

Este é um gatilho muito poderoso, ele ativa uma parte muito interessante do cérebro humano e ativa o instinto de interesse por um determinado produto ou serviço.

Ao colocar os seus produtos ou serviços como exclusivos, vips ou algo neste sentido, você poderá trazer sucesso em suas campanhas de vendas.

Por isso,você encontra vários infoprodutores (criadores de cursos digitais), donos de ecommerce e donos de lojas de produtos físicos com planos diferenciados usando este gatilho mental.

Quando tornamos algo em exclusivo, nós estamos criando algo que poderia ser comum em alguma coisa única.

Os clientes adoram se sentir especiais, assim como nós mesmos.

3 – Gatilho Mental da Urgência

Outro gatilho mental muito poderoso é o gatilho da urgência. Esta é uma excelente tática de negócios, no intuito de alavancar vendas em um curto período de tempo.

Esta estratégia é ligada ao gatilho da Escassez – gatilho que falaremos em breve –ela consiste em fazer com que o público alvo entenda que a oferta é totalmente limitada.

Agora saiba,que quando se trata de urgência, a limitação é pelo tempo e não por estoque ou quantidade.

Este gatilho é tão poderoso que se empregado de forma correta e no momento certo, ele ativa no cérebro um instinto automático de compra, no intuito de aproveitar a chance enquanto ainda tem oportunidade de adquiri-la.

Se você aliar este fundamento com uma cronometragem de um produto que está com oferta por tempo limitado em uma de suas campanhas, você vai notar que as vendas fluíram mais facilmente.

4 – Gatilho Mental da Antecipação

O intuito principal do gatilho mental da antecipação é antecipar algo que irá ocorrer em um futuro próximo para “aguçar” os sentimentos e gerar expectativa para alguma coisa.

Caso você utilize seu e-mail, você consegue ver esta técnica ser empregada principalmente pelos profissionais do Marketing Digital.

Você consegue perceber este gatilho de uma forma mais simplificada através da própria televisão. Lembra quando um canal de tv coloca em suas propagandas que programa tal irá começar na quarta feira 14 horas da tarde.

Esta é uma forma de antecipar algo que irá acontecer em um futuro próximo, nesta técnica está sendo aplicado este gatilho mental.

5 – Gatilho Mental da Escassez

O fato de existir uma oferta do interesse de um possível cliente, com a possibilidade iminente é capaz de gerar sentimentos emocionais muito fortes no seu público-alvo.

Este gatilho é um dos mais usados, principalmente no Marketing Digital em épocas específicas do ano.

Saiba que a limitação que uma pessoa tem junto com o desejo de adquirir gera uma empatia muito forte, o que acaba por impulsionar o desejo final de compra.

E é isso que você deve criar na mente dos seus clientes se quiser usar essa forma de persuadir em suas campanhas de venda.

6 – Gatilho Mental da Reciprocidade

Esse gatilho mental é extremamente poderoso, inclusive usamos ele para atrair a sua atenção,você baixou este e-book, pois o disponibilizamos ele para você gratuitamente.

Como este é um livro digital que lhe agrada e que ajuda você a entender mais sobre persuasão, vendas e percepção de mercado, provavelmente agora, você confia em nós.

Esse é um dos princípios do gatilho mental da reciprocidade.

Vamos explicar melhor contando uma história que aconteceu anos atrás.

Um professor universitário fez um pequeno experimento para explicar este gatilho mental deforma simples.

Este professor enviou cartões de Natal a uma amostra de pessoas desconhecidas.

Embora ele já tivesse ideia que alguma reação essas pessoas teriam, o resultado realmente o surpreendeu – recebeu uma enxurrada de cartões de boas-festas de pessoas que não o conheciam.

As pessoas simplesmente retribuíram a gentiliza, mesmo sem conhecer de verdade o professor.

Embora muito simples, este estudo mostra uma das armas mais poderosas da persuasão que está a nossa disposição: a regra da reciprocidade.

Quando você traz algo de alta qualidade de graça e disponibiliza para seus clientes, eles criam em suas mentes: “se de graça esse conteúdo é de alta qualidade, imagina-se eu adquirir algo dessa empresa”.

7 – Gatilho Mental do Compromisso e Coerência

“É muito mais fácil resistir no começo do que no fim”.

Foi feito um teste deste princípio em 1968, um estudo foi realizado neste ano por uma dupla de psicólogos canadenses.

Eles descobriram algo fascinante sobre os apostadores de corrida de cavalos.

Os pesquisadores psicólogos, perceberam que logo após as pessoas fazerem as apostas, elas ficavam muito mais confiantes nas chances de vitória do que antes.

Nada mudaria nas chances de probabilidade: trata-se do mesmo animal, no mesmo hipódromo, na mesma pista.

Mas na mente dos apostadores, as perspectivas melhoraram substancialmente depois de terem adquirido o bilhete para aposta.

Essa mudança tão intrigante possui uma explicação e uma razão.

Esse princípio é uma das armas comuns da influência social.

“Depois que escolhemos uma opção ou tomamos uma posição, nos deparamos com pressões pessoais e interpessoais exigindo que nos comportemos de acordo com este compromisso”.

Essas pressões psicológicas de escolha, nos farão reagir de maneira que justifiquem nossas decisões anteriores.

Quando temos o sentimento de que fizemos a coisa cerca, logo, nos sentimos melhor e mais positivos quanto à nossa decisão.

8 – Gatilho Mental das Provas Sociais

Quando uma pessoa se identifica com uma escolha de uma ou outras pessoas, ela estará muito mais propícia em tomar a mesma decisão.

Um bom exemplo para poder explicar melhor o gatilho mental das provas sociais é:

Vamos imaginar que você está indo comer fora, em uma cidade que você não conhece,você viajou para um outro país, vamos simbolizar este país como Noruega.

Você e sua esposa estão com fome e você precisa comer algo bacana, afinal de contas, vocês estão completando 7 anos de casados hoje.

Vocês saem do hotel onde se encontravam e vão à procura de algo bacana para comer.

Logo vocês se deparam com a rua principal de restaurantes em uma cidade da Noruega e ficam indecisos para onde devem ir.

Sua esposa fala que o restaurante “x” é interessante, mas você percebe que o restaurante“y” está com mais clientes comendo e se divertindo do que no restaurante “x”, oque você faria?

Obviamente você iria convencer a sua esposa de que talvez o primeiro restaurante não é tão interessante, e que no “y”, além de estar mais lotado, as pessoas parecem mais felizes e se divertem mais.

Este gatilho é realmente muito poderoso. Você pode aplica-lo no seu negócio como forma demostrar que o seu produto ou serviço possui uma quantidade interessante de pessoas que já adquiriram e comprovam isso.

Os depoimentos de seus clientes podem ser por vídeos ou texto, mas saiba que os vídeos trazem mais resultados.

O que você pode fazer é uma campanha de premiação para os clientes que mandarem os 5 melhores depoimentos, você pode oferecer aos 5 primeiros, algum produto ou serviço que você vende na sua empresa.

Você vai tanto atrair clientes fixos e duradouros entregando valor para eles, como chamará novos clientes para a sua base através desta campanha.

Quer aprender como escrever conteúdos que vendem? Conheça os Segredos dos Artigos Matadores!

9 – Gatilho Mental da Novidade

Nós seres humanos amamos novidades, muito mais quando essa novidade pode resolver um problema que temos no dia a dia.

É comprovado cientificamente que uma novidade libera a sensação de prazer em nosso cérebro. Existe um aumento na liberação de dopamina, esse neurotransmissor é responsável pela sensação de prazer.

As novidades possuem o poder de nos tirar da zona de conforto, ela nos motiva, no intuito de buscarmos a recompensa que está ligada diretamente a ela.

Acredito que você já tenha percebido que empresas de tecnologia e de automóveis são as corporações que mais usam o gatilho mental da novidade.

No final década ano, você pode perceber que somos bombardeados com novos modelos de celulares e carros.

Muitas vezes até percebemos que as mudanças são mínimas em um determinado produto, mas insistimos em trocar por se tratar de ser uma novidade, isto é o seu ego trabalhando por você.

Saiba trabalhar este gatilho na sua empresa e veja sempre um crescimento no faturamento a cada ano que passa. Agora, não vá esquecer de estudar o seu mercado e saber do que realmente poderiam agradá-los, antes de criar a sua oferta.

10 – Gatilho Mental do Porque

Você já deve ter ouvido a frase: “Não são as respostas que movem o mundo, são as perguntas”.

Por mais que nós tomemos decisões de forma inconsciente, nossa mente é inteligente o bastante para procurar respostas e raciocinar para justificar nossas ações.

Podemos perceber que o fator “questionamento” está ligando diretamente à essência humana desde quando éramos apenas crianças de 3 ou 4 anos. Nós costumávamos perguntar tudo, queríamos saber os motivos de uma série de situações estranhas que nos rondavam e simplesmente não tínhamos experiência o suficiente para responder à nós mesmos.

No livro As Armas da Persuasão de Robert Cialdini, ele traz esse gatilho mental à tona durante uma pesquisa feita em uma fila para tirar xerox.

Robert conseguiu perceber que diferentes formas de interação podem afetar diretamente à disposição das pessoas para permitir que um indivíduo consiga ou não furar uma fila para tirar xerox, por exemplo.

Primeiro ele pede para uma voluntária fazer a seguinte pergunta: “Desculpe, tenho 5 páginas.Posso usar a máquina de xerox?

Com esta forma de se expressar a voluntária da pesquisa teve sucesso em 60% das vezes,essas pessoas permitiram que ela furasse a fila e pudesse tirar logo suas cópias.

Em uma segunda situação, o modo de falar da voluntária devia ser dito de uma outra maneira.

Desta vez, a participante falou: “Tenho cinco páginas. Posso usar a máquina de xerox porque estou com pressa”? Se você consegue perceber, existe uma sutil mudança na forma de falar da voluntária.

O fato da voluntária ter feito o pedido acompanhado de um motivo trouxe 94% de eficácia no segundo exemplo.

O que mostra que quando damos um motivo para algo, esse pedido é mais valorizado e provavelmente será atendido.

11 – Gatilho da Dor X Prazer

O gatilho mental da Dor X Prazer, está diretamente ligado ás emoções primordiais das pessoas, pelos quais todos os outros gatilhos mentais também estão baseados.

Para que você possa usar este gatilho mental no seu negócio, você precisa entender que existem apenas dois impulsionadores do comportamento humano: “a prevenção dador e a busca pelo prazer”. Você deve estar com isto em mente para elaborar excelentes estratégias de marketing para sua empresa.

Agora você deve se concentrar somente nos efeitos positivos, esqueça os negativos, estamos falando de a longo prazo aqui, essa estratégia é ainda mais eficaz quando se trata de lealdade do seu cliente em potencial.

O foco deste gatilho e o plano base do mesmo é focar em eliminar o ponto negativo, desta forma sua mensagem terá um impacto muito maior, ao discutir os prazeres do seu serviço/produto.

Para que você possa fazer este princípio acontecer de forma esplêndida na sua estratégia, você precisa ir mais a fundo.

Você terá que motivar o seu público-alvo a acreditar no seguinte:

  1. Comprando o produto ou seu serviço o seu cliente terá: Prazer
  2. Não comprando ele terá: dor

Quando você usa os dois critérios e faz com que eles se encontrem, você terá uma venda, mas caso seu futuro cliente associe você ou seu produto com a dor futura, não irão comprar o seu produto ou serviço.

12 – Gatilho Mental do Apelo ao Medo

Esse gatilho mental é um complemento do gatilho da dor e do prazer.

Você vai levar o seu lead do medo para o prazer, no intuito de motivar a persona.

Para que funcione você precisa entender das dores do seu público, em seguida você irá explorá-las.

Um exemplo de dor comum é o fato da pessoa ter uma barriguinha a mais e quer saber como perde-la para poder usar um novo biquíni e ir à praia, por exemplo.

Outra forma de mostrar este gatilho mental na prática é citando este exemplo:

Digamos que você tem um uma empresa de seguros para residência, seu foco são pessoas que costumam viajar muito e precisam de uma proteção a mais para a residência delas, enquanto estão fora.

Para que você aplique com maestria este gatilho, será preciso conhecer muito bem a sua persona, você não pode simplesmente indicar algo que você ache interessante, senão todo o trabalho poderá ter um fim trágico – não vender seu produto ou serviço.

Para que esta técnica seja aplicada com qualidade você deve criar um cenário de medo na mente do seu cliente, o mais sensato e emocional é criar histórias, usando técnicas de Story Telling.

Você precisa criar um quadro mental, para que a pessoa leia o seu conteúdo ou veja o mesmo e se coloque naquela situação que você criou.

Um bom exemplo para aplicar este gatilho mental seria:

“Você sabia que um dos maiores causadores de morte no Brasil são por acidentes de veículo?Se você tem um carro e está preocupado com a situação financeira da sua família caso você venha a faltar, você precisar conhecer nosso seguro de vida “VITALCARE”!

13 – Gatilho Mental da Realidade Também conhecido como Gatilho do Vai dar Trabalho

Este gatilho é usado principalmente porque existem pessoas que querem coisas fáceis, que não demandam esforço ou trabalho e essas normalmente se dão mal na vida.

Exemplos comuns desta situação são:

Ganhar dinheiro de frente para a praia com seu notebook, emagrecer sem fazer exercícios ou tomar remédios, ficar rico em um curto período de tempo trabalhando pouco e outros…

Quando as pessoas se deixam levar por essas ofertas, normalmente elas se dão mal, elas foram enganadas.

Este gatilho prega exatamente o contrário, você vai mostrar a realidade, você vai dizer que o que você tem vai dar trabalho para quem vai comprar, mas os resultados são incríveis e reais, diferente de outros produtos ou serviços que prometem tudo e não cumprem, eles não funcionam e esses métodos não existem, mostre aqui a qualidade do seu produto e a diferença que ele fará na vida do seu cliente no período de tempo médio determinado.

Este gatilho mental é excelente para ser usado, principalmente com aqueles clientes que já foram enganados.

14 – Gatilho Mental do Inimigo Comum

Este gatilho é muito poderoso, mais ainda será se você aproveitar um período específico de acontecimentos no qual a sua empresa poderá entrar para resolver o problema de um inimigo comum que você tenha com seus próprios clientes.

Se você pensou que você vai chamar outras pessoas para brigar com alguém você estava engando, não é nada disso. Vamos te explicar!

Aqui, você terá que unir os seus clientes a você, pois vocês possuem um inimigo em comum.

Um bom exemplo para que nós consigamos entender bem este princípio é o seguinte:

Digamos que você tem uma empresa de cursos online de inglês, o seu inimigo comum com seus clientes serão as escolas de inglês tradicionais que precisam de pelo menos 5 a 10 anos para ensinar inglês para os alunos.

Você irá dizer que as escolas precisam deste tempo, porque não vale a pena ensinar tudo o que os alunos precisam saber em apenas 1 ano ou menos, pois assim eles não terão o lucro que eles se determinaram a ter.

Você explicará que o que eles querem é arrancar dinheiro do bolso dos clientes e não exatamente ensiná-los a falar inglês.

Você tem a solução e diminuirá este tempo de 10 anos para 10 meses.

Você ainda pode dizer que foi pelo fato das escolas exigirem tanto tempo de estudo que você resolveu criar este método, pois não quer que outras pessoas sejam enganadas desta forma.

Pois, você já fez este tipo de curso e não recomenda. Caso o cliente queira gastar menos e aprender tudo que uma escola de inglês ensina em 10 anos, em 10 meses, o seu método é a solução que ele procura.

15 – Gatilho Mental do Descaso

Você já ouviu a frase: “Vamos separar os homens dos meninos”, parece forte a frase né,mas é justamente esse pensamento que você deve ter.

O intuito principal aqui é fazer com que somente os clientes realmente qualificados tenham acesso aos conhecimentos, não estamos falando de diminuir vendas, mas sim, a desistência dos clientes.

Se você realmente quer conhecer quem é seu público-alvo de verdade, este gatilho é um poderoso aliado para que você tenha sucesso nesta descoberta.

Quando você conseguir realmente entender as necessidades dos seus clientes, será muito mais fácil vender para cada um deles.

16 – Gatilho Mental da Simplicidade

Você não precisa inventar novas situações que você não tem certeza que faça sentido,você não precisa falar frases mirabolantes para mostrar o quão você ou sua empresa são incríveis. O que você realmente precisa é vender!

Não estou falando para você deixar de manter sua qualidade, muito pelo contrário, o que simplesmente estou dizendo é que você poderia ser um pouco mais simples na sua oferta.

A mensagem deve ser clara e objetiva, você não precisa enfeitar nada, porque o que o seu cliente procura e o tempo que ele precisa de determinado produto ou serviço é a chave para fazer mais vendas acontecerem em um curto período de tempo.

Quando você mostra um serviço de maneira simples e interessante, você acaba de mostrar para seu cliente que o seu produto é real, não tem nada por trás daquilo e que ele pode sim confiar em você (na sua empresa) e no seu produto.

“Você acabou de conhecer os alguns dos mais poderosos gatilhos mentais, com o uso deles você irá decolar nas vendas, saiba entender o tempo e a causa certa para empregar cada gatilho e você irá ver a sua empresa ou negócio online decolar de uma vez por todas”.

17 – Gatilho da Referência

Você já deve ter ouvido falar na frase: “nada se cria, tudo se copia”.

Essa frase foi “criada” por Chacrinha, comunicador da televisão brasileira, ele afirmava que tudo na tv, eram apenas cópias, que não se criava nada novo.

A frase original é: “nada se cria, tudo se transforma”.

Esta versão oficial é uma frase muito popular do grande Lavoisier, químico francês, considerado o pai da química moderna.

A frase elaborada por Chacrinha, explica bem a realidade do gatilho da referência.

Não se prenda em tentar criar algo do zero sempre, você poderia muito bem pegar uma ideia de algum concorrente e usar aquele determinado contexto como base para criação de algo interessante para sua empresa.

Em outras palavras, devemos ficar atentos aos nossos competidores e concorrentes. A concorrência não existe somente para podermos ter alguém ou alguma empresa para competir, ela está lá para fazer sua empresa melhorar e se aprimorar.

Pegue ai deia e faça melhor!

18 – Gatilho da Comunidade

Este gatilho é muito interessante e existem várias formas de fazer ele funcionar para o seu negócio.

Primeiro vamos entender o que significa o que é “comunidade”, vamos entender um pouco do conceito correto da palavra, para que possamos entender melhor como funciona o gatilho e qual o sentido de tudo isso.

O que é comunidade?

É um grupo local, de tamanho variável, integrado por pessoas que ocupam um espaço geograficamente definido e estão irmanados por uma mesma herança cultural e história. Em cima disso qual é a ideia que vêm à sua mente agora?

Comprar um terreno e colocar todo mundo dentro para falar do seu negócio encontrado soluções, talvez?!

Nada disso,precisamos entender o conceito para poder ter novas ideias, depois de ler o sentido da palavra e o que ela significa, a primeira coisa que me veio em mente foram as redes sociais. 

Através de grupos nas redes sociais você consegue criar um assunto em comum entre um determinado nicho de pessoas.

Elas terão esse “algo em comum” e você poderá usar isso a favor da sua empresa.

Para ficar ainda mais claro, vamos imaginar que você tenha uma loja online de produtos eletrônicos.

Você está precisando saber quais são os produtos que os clientes estão mais satisfeitos de um certo setor.

Se você tiver um grupo de clientes que já compraram os produtos que você oferece, você pode criar um grupo com essas pessoas, usar o fator comum de um tipo de produtos específicos, faria um sorteio com premiação para as melhores respostas convenientes para o seu negócio e assim teria o máximo de informações possível dos produtos que você vende.

Você teria um controle de qualidade investindo pouco, teria uma comunidade de clientes da sua base e ainda poderia promover seus produtos em lançamento, baseados nos conhecimentos apurados conseguindo vender muito mais, para o público correto.

19 – Gatilho Mental da Importância

Em um livro do famoso Dale Carnigie, que se chama: “Como fazer amigos e influenciar pessoas”, ele ensina algo incrível.

Dale Carnigie percebe através de fatos vividos e momentos vivenciadas por outras pessoas e explica com detalhes isso no livro. Ele define em partes do livro que tudo que um ser humano quer é ser reconhecido.

Ele conta uma história de uma mulher casada, com filho, que jamais fora bem tratada pelo marido, o último acaba se separado dela.

Por ela nunca ter sido reconhecida pelo esposo e não conseguir mantê-lo como seu marido,a mulher enlouquece e é internada em uma clínica.

O que eu estou tentando te mostrar durante esta nossa conversa, é que todos queremos ser importantes, queremos ser lembrados por algo bom que fizemos.

A melhor forma de você lembrar o quão bom é alguém é idolatrando este comportamento deforma sincera.

A forma mais sincera de mostrar isto para os seus clientes é se comunicando com eles.

Criei uma maneira mais pessoal de comunicação com seus clientes, você pode começar pelos melhores e aos poucos ir descendo até chegar em um nível máximo da famosa pós-venda.

Afinal de contas, os seus melhores clientes são aqueles que já acreditam na sua proposta e que já confiam na sua empresa e no que você oferece.

20 – Gatilho Mental da Controvérsia

Criar certos temas polêmicos, gerar controvérsias e mostrar aquilo o que seu público precisa conhecer de uma maneira diferente é uma bela definição deste gatilho mental.

O gatilho da controvérsia tem o poder de instigar a curiosidade das pessoas.

A controvérsia estimula a discussão, dispara a raiva e gera curiosidade.

O fato da raiva está associado a este contexto, faz com que haja um disparo insensato do seu conteúdo.

Para que você possa ativar este gatilho mental no seu público você precisa pegar algo padrão e falar o contexto de forma inversa.

Esse gatilho deve ser perfeitamente alinhado com o gatilho do porquê.

Caso você não consiga fazer uma combinação interessante dos dois gatilhos, você poderá não ter o resultado esperado.

21 – Gatilho Mental da Curiosidade

Parte do nosso cérebro está ligado ao prazer, esta parte também ama uma curiosidade.

Não sei se você percebeu, mas vários gatilhos mentais estão ligados diretamente com a curiosidade.

Isso simplesmente acontece porque é um sentimento forte que gera poder de compra na mente das pessoas.

Se o “curioso” estiver com dinheiro e o seu serviço ou produto resolver a sua dor, combinado com uma boa oferta, você tem tudo para fechar uma venda.

22 – Gatilho Mental da Surpresa

Digamos que você já tem um produto ou um serviço muito bom, mas você não tem mais nada a acrescentar ali.

O seu concorrente tem esse mesmo produto, um pouco mais caro, mas ele tem um bônus que complementa o produto e tem o poder de transformá-lo em algo melhor.

Quem você acha que irá vender mais?

Uma surpresa que se encaixa como um complemento de um produto ou serviço mostra que a sua empresa se importa com os clientes e que vocês são profissionais no que fazem.

Além disto, agrega valor ao produto e gera empatia com o público interessando, essa combinação é muito poderosa quando se trata de vender algo.

23 – Gatilho Mental da Segurança

Muitas empresas querem colocar tudo para o cliente, mas esquecem que os clientes procuram: bons produtos, com um preço interessante e querem ter o mínimo de trabalho possível para isto.

Quem não gosta de comodidade não é verdade?

Tente aplicar esta estratégia em uma oferta de um produto ou serviço.

As vezes precisamos assumir alguns riscos para conseguir subir mais degraus, rumo ao sucesso.

A sensação que o seu cliente terá é que em melhores mãos ele não poderia estar.

Dê uma garantia que mostre a qualidade do seu produto e cumpra o que prometer.

24 – Gatilho Mental da Solução

Os clientes já estão cansados de ver características de um produto, salvo no ramo da informática e muitas vezes no ramo da eletrônica, termos técnicos muitas vezes não são bem-vindos em vários nichos de atuação.

Quando for mostrar as soluções do seu produto ou serviço, mostre isso na prática para seus futuros clientes.

Mostre o benefício do que você oferece, fazendo a pessoa imaginar ela usando a sua solução no dia a dia dela.

Você precisa criar uma tela mental e envolver os seus clientes com os benefícios que o seu produto é capaz de trazer.

Mostrar as características de um produto não vai fazer o seu cliente despertar a parte emocional do cérebro dele.

Lembrando que a maioria das compras são feitas através da emoção, não parece muito sensato ser tão técnico né?!

Conclusão

Você aprendeu hoje que os sonhos devem ser tangíveis, que somente você realmente conhece a si mesmo e agora consegue unir este conhecimento com os gatilhos mais poderosos do mundo das vendas.

Comece a treinar cada gatilho em uma oportunidade que você conseguir criar, você notará o poder da persuasão, através do crescimento do seu negócio.

Considerações Finais

Grande parte do processo de persuasão pode ser entendida como uma tendência humana pela reação automática na forma de atalho.

A maioria dos indivíduos da nossa sociedade desenvolveram um conjunto de características desencadeadoras para o consentimento, ou seja, um conjunto de informações específicas que normalmente apontam quando acatar um pedido, podendo ser correto e benéfico.

Cada uma dessas características poderá ser usada como uma arma (influenciadora) no intuito de estimular as pessoas a concordarem com pedidos em diversos casos.

Se gostou do artigo compartilhe com seus amigos nas redes sociais e faça essa mensagem chegar ao máximo de número de pessoas possível, este conhecimento poderá ajudar muita gente. Contamos com seu apoio!

Diego Brasileiro

Comentários

Siga-nos

Não seja tímido, acesse nossas redes sociais. Adoro conhecer novas pessoas que possuem um interesse nos temas abordados neste blog.